Tecnologia em gestão da qualidade: tendências no pós-pandemia
>
>
Tecnologia em gestão da qualidade: tendências no pós-pandemia
Pessoas ao computador trabalhar com tecnologia em Gestão da Qualidade

A tecnologia em gestão da qualidade passou a ser essencial desde que a pandemia impôs uma brusca mudança de cenário, obrigando empresas a se transformarem rapidamente. E agora, com a flexibilização em tantos estados, muitos caminham para o tão esperado momento do pós-pandemia. Pesquisas indicam as tendências do mercado, para nortear as decisões relacionadas à Qualidade nas empresas. 

É certo que a reavaliação de projetos, riscos e oportunidades já era de praxe na Gestão da Qualidade. Mas com as novas formas de trabalho tornaram-se mais urgentes, demandando agilidade no levantamento de informações para a tomada de decisões. 

O olhar com atenção para a Gestão da Qualidade revela a preocupação com a sobrevivência da empresa e, sobretudo, a atenção e dedicação ao cliente. Afinal, as normas existem para garantir segurança, organização dos dados, fluência no trabalho, conformidade e respeito a quem está do outro lado recebendo o serviço. 

O que apontam as pesquisas

A longa e inesperada duração da pandemia acabou consolidando o modelo híbrido de trabalho, que propõe uma alternância entre trabalho presencial e remoto. A 18ª edição do Índice de Confiança Robert Half apontou que 48% das empresas entrevistadas decidiram adotar definitivamente esse modelo.

O home office tem suas vantagens, mas requer ainda mais esforço dos gestores da qualidade para manter as informações em ordem e atualizadas, a equipe engajada e os processos em conformidade. Nesse sentido, a tecnologia em Gestão da Qualidade pode ser diferencial, já que um bom software reúne possibilidades diversas e personalizadas à demanda de cada um. 

Uma pesquisa da CNI (Confederação Nacional da Indústria) apontou que 80% das indústrias promoveram alguma inovação durante a pandemia de Covid-19, como forma de buscar soluções para a crise imposta pelo contexto sanitário, e tiveram aumento de lucro e produtividade. O levantamento entrevistou executivos de 500 grandes e médias empresas industriais. 

Ou seja, mais do que nunca a tecnologia mostrou-se aliada em um processo de desenvolvimento e superação. E na Qualidade não é diferente.

Tecnologia em gestão da qualidade: um caminho sem volta

A automatização de processos da Qualidade é apontada como tendência para os próximos anos. Isso porque fornece inúmeros benefícios às empresas, como agilidade e economia nos procedimentos internos e segurança no cumprimento das normas. 

Todos os processos que envolvem a gestão de uma empresa podem ser inseridos nessa tecnologia. Isso inclui desde a organização de documentos e registro das ocorrências, até a avaliação de riscos e a realização de treinamentos. O resultado é um grande alívio para gestores e analistas da qualidade e mais confiança para diretores.  

Deixar as planilhas de lado e adotar um software qualificado para a Gestão da Qualidade é uma tendência nos negócios que foi acelerada com os impactos da Covid-19 e continuará no pós-pandemia. O uso dessas ferramentas tem objetivos variados, mas um fim comum: promover fluência nos processos, garantindo conformidade e bons resultados para quem está na outra ponta: os clientes. 

Vale lembrar que um dos pilares da ISO 9001 propõe a busca por comportamentos, atitudes, atividades e processos que agreguem valor ao cliente. Isto é, aponta que o foco em qualidade deve ser considerado o mesmo que foco no cliente. 

Mais do que nunca, um bom software de Gestão da Qualidade cumpre essa missão. E é exatamente assim que o software da GestQual funciona, com módulos adaptáveis à necessidade de cada empresa.

Para saber mais detalhes, entre em contato conosco, que teremos muito prazer em lhe apresentar essa inovação.

Compartilhar:

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart